Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

26.Mar.20

As histórias lidas, as que faltam ler

IMG_20200326_163454.jpg

 

Só agora início a escrita, o dia tem sido intenso nas viagens e andanças pelos limites da minha casa, a primeira viagem é pela manhã com a rega das flores, quando necessário, o exemplo de hoje, depois de deixar a cara metade no emprego, foi adquirir géneros alimentícios, com alguma cautela encontrei o que desejava. De seguida, já em casa, a continuação da leitura de uma história que estou perto de terminar. Mais umas tarefas domésticas, almoçar, para me sentar a catalogar umas histórias, muitas são as viagens que faço em casa, só o teletrabalho me prende na sala durante o segundo período do dia. Está a ser uma experiência interessante, claro que as viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra, com diferentes aldeias e panoramas são mais motivantes. Tenho saudades das suas gentes,  se continuarão nas hortas, se andarão a trabalhar, a pequenada  sem escola, estarão a ser tolerantes. As histórias lidas, as que faltam ler, mas que nunca mais chegam.

2 comentários

Comentar post