Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

14.Set.18

Desvio

IMG_20180914_114412.jpg

 Ainda nas viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra, rumando até à aldeia do Tubaral, a biblioteca ambulante quase esbarrou com espanto na placa sinalética indicando mudança inesperada de direcção. Devagar percorro mais uns metros ao encontro de um aldeão que por ali passava, após ter obtido a informação, manobra para à frente, manobra para trás, várias vezes, retorno ao local do desvio ao encontro da aldeia do Monte Galego girando o volante nos cruzamentos sempre à direita. Finalmente a estrada alternativa do desvio, troço na sua totalidade em piso de terra, uma novidade para o piloto da biblioteca ambulante. Repentinamente estou diante de uma ponte, " Ponte do Fidalgo " por baixo um ribeiro com águas calmas, envolvendo o cenário árvores enormes, gigantes, abraçam o espaço  fomentando grandes sombras. Local encantador que convida a pequeniques nos dias longos de verão aproveitando a frescura transmitida pela quantidade de folhagem das árvores. Mais um pouco, estaciono no largo da aldeia, a carrinha da padeira que seguia um pouco mais adiante, já vendia pão!