Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

06.Dez.18

Fortalecem mentes

IMG_20181206_105447.jpg

IMG_20181206_105017.jpg

A cortina de nevoeiro que turvava a curta existência da manhã, desvaneceu na direcção da aldeia da Carreira do Mato nas viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra. O sol puxou para fora das suas casas os aldeões, na Tasca do Ti Zé, cabeças inclinadas sob as mesas, os olhos arrancam das páginas dos jornais diários inúmeros relatos, afastados mas informados. O café não pára de escorrer da máquina, o pão na torradeira fica todo vaidoso  com tanto bronzeamento, a vida fervilha em tão poucos metros quadrados na aldeia. Cá fora, a biblioteca ambulante com as histórias, a padeira com o pão e bolos, fortalecem mentes e estômagos.