Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

Numa livraria perto de si

Wook.pt - A Balada de Iza

Sinopse

Após a morte do marido, um juiz afastado do cargo por motivos políticos, Etelka deixa a sua casa na província e muda-se para o apartamento da filha na moderna e buliçosa Budapeste dos anos pós-Segunda Guerra Mundial. Iza, uma médica respeitada, diligente e militante como o pai, organiza a vida da mãe até ao último pormenor, procurando eliminar quaisquer vestígios do passado e da sua dor.

No entanto, arredada de todas as tarefas e decisões, a frágil e nostálgica Etelka vê-se encurralada numa espécie de não-existência, silenciosa e solitária. O amor de Iza controla o seu destino, tal como o de todos os que a rodeiam, alheio às consequências últimas dos seus veredictos.

Retrato da relação entre mãe e filha, crónica complexa de um desenraizamento, A Balada de Iza é igualmente a descrição fiel de uma sociedade húngara sob o peso do estalinismo e uma das obras maiores de Magda Szabó.

Cavalo de Ferro, junho de 2020