Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

21.Set.18

O tempo se estende

 

 

IMG_20180921_161534.jpg

Já se vê o outono, mas na aldeia do Brunheirinho o calor não dá descanso a quem por aqui habita e anda numa biblioteca ambulante, nas viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra. Sentada uma velha resguarda-se na sombra à beira da estrada, enquanto o tempo se estende na tarde. Os visitantes adiam a vinda às histórias junto da fonte, que já deu de beber da sua água fresca ao piloto da biblioteca, a nascente de onde rompem letras, palavras, frases, espera que venha alguém para encher a sua cabeça de aventuras e sonhos!