Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

19.Out.18

Pedaço de tempo

IMG_20181018_184554.jpg

 

 

IMG_20181019_074902.jpg

As fotografias do fim da tarde de ontem e o início da manhã de hoje, isto para dar conhecimento que a biblioteca ambulante continua numa oficina mecânica, a revisão alonga-se até ao final da semana. As viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra, estão suspensas, os leitores estão carentes, por pouco tempo ficam sem histórias. Também o viajante da biblioteca se sente como um peixe fora de água, não segura no volante, dirigindo a biblioteca ambulante na direcção das aldeias, não sente os cheiros das páginas onde se desenvolvem aventuras, dramas, fantasias e realidades. Não fala com aqueles, que afastados geograficamente da cidade esperam por novidades, notícias do burgo, de terem um pedaço de tempo desigual.

 

" Não há poder maior no mundo que o do tempo: tudo sujeita, tudo muda, tudo acaba "

 

Padre António Vieira (1608 - 1697)