Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paulo Auster

05.Dez.18

Puxam por leitores

IMG_20181205_112354.jpg

A manhã fria não desmotiva o sol, nas viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra. Os seus raios tropeçam nas resistentes folhas ainda presas nos galhos das árvores, no seguimento deste acto involuntário, o efeito produz uma tonalidade dourada no pequeno vale onde se adapta a aldeia da Pucariça. A compor o cenário, as laranjeiras cobertas de tons amarelos, alaranjados, pedaços de terra rasgados por alfaias agrícolas, cuja cor castanho escuro acentua o verde do terreno. Onde andam as pessoas para não se aproximarem da biblioteca ambulante? Não há curiosidade de espreitarem  as histórias? As narrativas os contos, as tramas os enredos, confortados nas brochuras, nas encadernações,  impacientes por tão grande espera, teimam no adro da igreja, puxam por leitores, estejam onde estiverem.