Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paul Auster

Histórias à Beira Rio, viagens e andanças com letras pelas aldeias da minha terra

"Afinal, a memória não é um acto de vontade. É uma coisa que acontece à revelia de nós próprios." Paul Auster

22.Dez.21

A biblioteca é uma compartilhadora...

historiasabeirario
Nos meandros das ruas encaixadas entre prédios, cujas varandas apresentam roupa estendida, a biblioteca ambulante explora vestígios, deixados propositadamente, que marcam a época que vivemos, nesses lares. Para lá das portas, exceptuando o que acabei de descrever, as histórias serão assim como mostram as árvores de Natal. As luzes que não estão ligadas, mas quando a noite cai apressada como sempre nestes dias, ganham vida confirmando que afinal está tudo bem. As histórias que (...)
03.Dez.19

São os jornais os primeiros

historiasabeirario
  Ainda no Vale Zebrinho, com a porta grande da biblioteca ambulante fechada, o viajante das viagens e andanças vê repentinamente uma mulher a correr até à boca da rua. - Não se vá embora, vou buscar o livro! - Diz num alarido. A Maria atrasou-se, desesperada arriscou aparecer para confirmar se a presença demorada da biblioteca ambulante na sua aldeia se confirmava. Pouco depois avançava segurando o livro numa das mãos, na direcção das histórias, atentamente o seu olhar (...)